Ligue: (31) 3417.2362 e 98387.7878
MATÉRIA
“NUTRI, E A COMIDA JAPONESA?”

A comida japonesa possui elementos muito positivos, como a presença dos peixes, nori (alga), wasabi (raiz forte), cogumelos, etc.
____
Entretanto, alguns pontos devem ser considerados na hora de pedir aquele delivery ou no restaurante japonês:
.
A maior parte das opções contém muito arroz. Além disso, o arroz é preparado com muito açúcar, dessa forma há um excesso de carboidratos simples.
.
Hot: os sushis e temakis empanados e fritos (criados para agradar ao paladar dos brasileiros) além de serem imersos em óleo (muitas vezes reutilizado por várias vezes), contém glúten e farinhas refinadas, o que eleva ainda mais a quantidade de carboidratos simples.
.
Sushis com pedacinhos de chips (Doritos) e cream cheese: Outra “abrasileirada” no sushi, acrescenta muita gordura, inclusive trans, sódio, açúcar, corantes artificiais, glutamato monossódico.
.
A conserva de pepino e gengibre e alguns molhos como o teryaki contém muito açúcar. .
Molho de soja (shoyu) contém excesso de sódio e glutamato monossódico.
.
Kani contém muitos conservantes, corantes e sódio, semelhante aos embutidos.
.
O salmão brasileiro é, infelizmente, de cativeiro, assim a quantidade de ômega 3 é muito inferior ao do peixe selvagem, mas, dentre as opções existentes, o sashimi é a melhor escolha. .
Resumo da ópera: Tudo é questão de frequência, quantidades e tentar fazer as melhores escolhas. Comer com sabedoria é comer com consciência e equilibro.
Excelente domingo!

VOLTAR PARA MATÉRIAS